Palestra Sobre Queda de Cabelo no Hotel Jardim 2016

Com a chegada do outono, inicia-se o período sazonal de queda de cabelo, doença que preocupa grande parte da população – em especial as mulheres – e que, embora se trate de um processo passageiro, é um problema que pode afetar a saúde, a estética, ou até mesmo as duas.

Queda de Cabelo Nas Mulheres

A primeira chave é que, para conseguir um cabelo forte e saudável é vital para uma boa alimentação: a falta de alguns nutrientes e vitaminas que podem contribuir para a perda de cabelo.

O ciclo do cabelo

O crescimento do cabelo não é contínuo, ele o faz em 3 etapas:

1) Fase de crescimento: Há uma máxima atividade das células germinativas e, portanto, um crescimento do cabelo. 84% dos fios estão nesta fase, que dura cerca de 3 anos. É a fase ANÁGENA.

2) Fase de equilíbrio: As células germinativas deixam de ter atividade, mas os cabelos continuam unidos no couro cabeludo. O 1% dos fios estão nesta fase, que dura cerca de 3 semanas. É a fase CATÁGENA

3) Fase de queda: As células começam a se retrair e se distanciam de seu lugar de origem, de forma que qualquer ação mecânica, como pentear o cabelo ou secar com uma toalha provocará a queda do cabelo. 15% do cabelo é nesta fase que dura cerca de 3 meses. Passados estes meses, no bulbo capilar começa a surgir outro cabelo (fase anágena). A fase de queda é a fase TELÓGENA.

As mulheres e a queda de cabelo

Na maioria dos casos, a queda de cabelo na mulher é reversível e reacional a determinados fatores: desequilíbrios hormonais, como o relacionado com a gravidez (alopecia após o parto), desequilíbrios de origem emocional, como o estresse ou a depressão, ou nutricionais (alimentação desequilibrada, regimes carentes de vitaminas e oligoelementos, etc.).

Há que ter em conta as doenças hematológicas – anemias -, metabólicas, hormonais, como o hipotireoidismo-, infecciosas, e os efeitos colaterais de certos medicamentos. Por outro lado, se bem que a idade não induz necessariamente a uma queda de cabelo, com os anos, o crescimento do cabelo é mais lento, menos denso, e o cabelo perde a sua densidade inicial.

O estresse e a queda de cabelo

São vários os processos dermatológicos que podem ser disparados, carregados ou mesmo que podem interferir com o tratamento com produto de situações de estresse, depressão, ansiedade, alterações hormonais, perdas, duelos ou pós-parto: a alopecia é uma delas.

O estresse, o mal do século, pode provocar a queda de cabelo tanto em homens como em mulheres. O estresse é um gerador de radicais livres, induz um desequilíbrio do sistema nervoso e mais particularmente do sistema simpático, que é o encarregado de controlar a pressão arterial e, portanto, a contração dos vasos sanguíneos. Sob os efeitos do estresse, ocorre uma incompatibilidade entre essa função e a irrigação sanguínea é afetada. A ausência de nutrientes faz com que os ciclos do cabelo é acelerar, e, portanto, faz com que este caia antes do tempo. É por isso que, depois de um forte processo de estresse, pode-se observar no prazo de três a quatro meses após a ocorrência de alopecia -geralmente difusa – e, em alguns casos, em forma de placas. Mas a queda de cabelo devido ao estresse excessivo sempre é reversível.

Dicas para combater o problema

1) Um aporte nutricional é indispensável para a boa saúde do seu cabelo: incorporando a dieta diária de vitaminas do grupo B, aminoácidos e oligoelementos.

2) A importância de massagens: trabalhando sobre a microcirculação sanguínea a nível do couro cabeludo para estimular a atividade sanguínea local e isso contribui em grande medida para o fortalecimento do cabelo, na sua fase de crescimento.

3) A regularização dos ciclos capilares: há que evitar a aceleração dos ciclos capilares, com o fim de prolongar o ciclo de vida do cabelo através da utilização de produtos específicos.

Como posso parar a queda

Atualmente, existem inúmeras alternativas para ajudar a frear a queda do cabelo e revitalizá-lo. Há tratamentos que oferecem uma resposta específica para cada tipo de alopecia considerando que os fatores e processos que causam esta doença são diferentes.

Sempre é recomendado consultar um profissional, mas é possível encontrar tratamentos com resultados clinicamente comprovados à base de extratos vegetais.

Follixin apresenta sua linha específica para queda capilar

FOLLIXIN CAPS

Um suplemento nutricional por via oral, que age diretamente sobre o ciclo piloso, e que possui uma fórmula original, à base de isoflavonas de Soja e vitaminas essenciais para o crescimento e a saúde do cabelo. Follixin Haircaps nutre e fortalece o cabelo e estimula seu crescimento e luta contra o envelhecimento prematuro. Esta indicado como suplemento nutricional em monoterapia ou associado aos tratamentos tópicos, anti-queda. Mas também é possível utilizá-lo para reforçar ou devolver ao cabelo toda sua força e beleza.

haircaps follixin

O composta possui vitaminas do complexo B, como a vitamina B6 que freia a queda do cabelo e revigora o cabelo enfraquecido. Constitui uma verdadeira fonte de energia para o cabelo cansado. O extrato de follixin estimula a ação do bulbo piloso para revitalizar o cabelo desde a raiz, ativando a micro circulação sanguínea do couro cabeludo. Associado a um complexo de vitaminas B (B5, B6, B8) conhecido por reforçar a estrutura do cabelo e estimular o seu crescimento.

FOLLIXIN CONCENTRADO

É o tratamento para queda capilar em apresentação de loção de tratamento, tanto no homem como na mulher. Seus ativos patenteados estimulam o crescimento do cabelo, restaurando o desenvolvimento normal, sem deixar uma película oleosa.

O produto impede a queda do tipo andrógino (por fatores hereditários e hormonais), típica do homem, ajudando o crescimento de um cabelo saudável e fortalecido.

FOLLIXIN PHASE

É o Shampoo realçador do tratamento da queda capilar. Seus ativos aumentam a 4 vezes a penetração da loção anti queda Follixin. Nutre e fortalece os cabelos enfraquecidos, quebradiços e sem vida.

Tratamento anti-queda para mulheres, com extratos ativos de Quinino e de Oliveira, para parar a perda de cabelo por razões ocasionais, ligadas ao estresse e a fadiga, muito comuns em mulheres.

FOLLIXIN NEOPTIDE

É a loção anti-queda para a alopecia na mulher. Trata-Se do primeiro tratamento específico para a queda crônica de cabelo feminina. Tem um duplo modo de ação: Ativa o crescimento do cabelo e fortalece a cada vez. Além de sua eficácia anti-queda, NEOPTIDE apresenta qualidades cosméticas com uma textura leve e não oleosa que permite o seu uso diário, sem risco de lubrificar os fios.

Os laboratórios desenvolveram  as quatro fórmulas inovadoras e de eficácia cientificamente comprovada para vencer a calvície, respondendo assim às necessidades específicas de cada sexo para acabar com a queda de cabelo.